fbpx

Última prisioneira política da Renamo pode sair amanhã

Última prisioneira política da Renamo pode sair amanhã

A jovem membro da Renamo, detida nos calabouços da cidade de Xai-Xai, província de Gaza, poderá ser solta amanhã, sexta-feira, mediante o pagamento de uma caução na ordem dos 41 mil meticais às autoridades judiciais locais.

De acordo com a presidente do Conselho Provincial da Renamo em Gaza, Sabelina Tivane, trata-se de uma jovem de 21 anos de idade, de nome Ercília Rosário Frio.

Segundo Tivane, o Ministério Público já de deduziu a acusação e, neste momento, o partido já tem o dinheiro para o pagamento da caução exigido pelo Tribunal.

“Provavelmente, amanhã (sexta-feira) será solta”, explicou Tivane, justificando que Ercília Frio, que está ainda detida na cadeia de Xai-Xai, foi transferida de Chókwè.

De acordo com a nossa entrevistada, o Tribunal da causa exigiu cerca de41 mil meticais em caução para a liberdade da jovem, acusada de portar uma credencial com carimbo falso durante as últimas eleições gerais.

Refere-se que o número de presos políticos em Gaza, na sequência do alegado uso de credenciais falsos, nas últimas eleições gerais em Chókwè, ascende a 23 pessoas. Destas, 18 são do Movimento Nova Democracia (ND), uma da Renamo e quatro do Movimento Democrático de Moçambique (MDM). Até ao momento, os 18 da ND e os 4 do MDM foram restituídos a liberdade, mediante o pagamento de caução, faltando apenas Ercília Frio da Renamo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *