Comunidade de Sant’Egídio em Nampula condena ataques em Cabo Delgado

Comunidade de Sant’Egídio em Nampula condena ataques em Cabo Delgado

A Comunidade de Sant’Egídio em Moçambique apela o envolvimento da sociedade civil para aliviar o sofrimento dos cidadãos deslocados na sequência dos ataques de insurgentes na zona norte da província de Cabo Delgado.
O Coordenador Nacional da Comunidade de Sant ‘Egídio em Moçambique disse que cada um dos moçambicanos e organizações civis podem contribuir com o pouco para ajudar as famílias que se refugiaram noutros pontos de Cabo Delgado e ou noutras províncias.
Américo Sardinha referiu que a sua comunidade vai desencadear nos próximos dias, uma acção de localização dos deslocados para um possível apoio.
A nossa fonte defende o envolvimento de todos moçambicanos na busca de mecanismos para acabar com os ataques insurgentes em Cabo Delgado.
Coordenador nacional da comunidade de Sant ‘Egídio, Américo Sardinha, falando a propósito das famílias deslocadas de Cabo Delgado.
Esta terça-feira, a nossa equipa de reportagem deparou-se com a chegada na cidade de Nampula de cerca de 60 pessoas deslocadas do distrito de Muidumbe, das quais 18 pertencentes a uma única família.
Os nossos entrevistados descrevem o sofrimento protagonizado pelos insurgentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *